Tenho sentido muitas saudades das viagens que fiz. Não saberia, nunca, explicar a sensação feliz que me dá rever fotos, vídeos e conversar com os que lá conheci. Escrevi alguns textos tentando juntar momentos, conversas, sensações sentidas e vividas nos tantos lugares pelos quais passei. Há acréscimos, eu preciso mencionar. É ficção, portanto. Mas, os textos deste blog são completamente carregados de nostalgia... esperança... e vida! Vida, que é o estado em que quero estar permanentemente!
Boa leitura!!!

sábado

Rio de Janeiro, 29 de Dezembro de 2015

No último dia, decidimos visitar o MAR (Museu de Arte do Rio de Janeiro) e o mais novo e famoso Museu do Amanhã. Pegamos o metrô e rumamos em direção à Avenida Rio Branco. Descobrimos um museu bem legal, que reconta a história dessa avenida tão importante para o centro do Rio:


"Tempo, tempo, mano velho..."

Moda

Efeito ótico

A cidade falsa e a verdadeira atrás

O Museu do Amanhã foi projetado pelo grande arquiteto espanhol, Santiago Calatrava, o mesmo que projetou a estação de trem do aeroporto de Lyon e também o mesmo que está construindo um edifício muito louco no centro de New York. A ideia do Museu do Amanhã era a de construir um prédio que lembrasse o formato de uma bromélia. O resultado é espetacular:

O Museu do Amanhã ajudou a revitalizar a Praça Mauá

Museu do Amanhã em formato de Bromélia


Energia solar

Perspectivas...

Uma obra de arte mesmo!

Observatório do Museu do Amanhã

O céu pintado de aves

Cidade OlímPICA! kkkkkk...


"I" de Isabel

Museu de Arte do Rio de Janeiro: filas quilométricas pra entrar

 O Museu de Arte do Rio estava tão lotado quanto o Museu do Amanhã, o jeito foi desistir da missão de entrar nesses dois lugares e partir pra outra cidade: Niterói. Hora de pegar a balsa e fazer a famosa travessia Rio-Niterói:

Hora de cruzar o rio!

Abaixo, a Ilha Fiscal, local onde ocorreu o famoso baile da Ilha Fiscal, a última grande festa do Império antes do golpe de 15 de Novembro de 1889. Atualmente abriga um museu histórico-cultural:
Uma igreja, um templo?! Magnífico!


Museu de Arte Contemporânea de Niterói

Praia de Niterói
 Infelizmente, atravessando a ponte me senti insegura, me senti quase em Fortaleza... rsrsrsrs... não curti a primeira impressão de Niterói. Como foram só algumas horas, valeu o passeio!

Travessia de volta

O Cristo lá longe...

Passando pertinho do aeroporto Santos Dumont

E tem coisa melhor que viajar?!
 Voltando pra casa, mais uma lembrança em formato de Cidade Maravilhosa:

Calçadão de Copacabana estampado no meu sanduíche: valeu, Tam!

E se você conhecer algo melhor que viajar me avise!

Nenhum comentário:

Postar um comentário