Tenho sentido muitas saudades das viagens que fiz. Não saberia, nunca, explicar a sensação feliz que me dá rever fotos, vídeos e conversar com os que lá conheci. Escrevi alguns textos tentando juntar momentos, conversas, sensações sentidas e vividas nos tantos lugares pelos quais passei. Há acréscimos, eu preciso mencionar. É ficção, portanto. Mas, os textos deste blog são completamente carregados de nostalgia... esperança... e vida! Vida, que é o estado em que quero estar permanentemente!
Boa leitura!!!

sexta-feira

Santa Maria, 24 de outubro de 2015

É fato que tenho aproveitado, ao máximo, este ano de afastamento para participar de Congressos de Linguística e apresentar trabalhos. De todos aqueles que me dispus a participar, o XI Congresso da Associação de Linguística Sistêmico-Funcional da América Latina: Contribuições da LSF para os Multiletramentos era, de fato, o mais importante! Além do mais, as duas edições anteriores e as duas próximas foram/serão em outro país, o que dificulta(ria) imensamente minha ida. Aproveitei a oportunidade e zarpei pra Santa Maria/RS.

Quase sempre, quando viajo sozinha, encontro conhecidos/amigos no Aeroporto, desta vez foi o querido Estácio
Peguei um voo pra Porto Alegre e, de lá, o Trensub, um trem que a gente pega na saída do aeroporto (tarifa R$ 1,70). O legal é que ele vai direto pra Rodoviária, são só algumas paradas depois. Em cerca de 15 minutos já estava esperando meu ônibus pra Santa Maria (empresa Planalto, categoria Executivo - cerca de R$ 90)
Quatro horas de estrada mereciam a categoria executivo: com direito a cobertor, travesseiro e água

Imagens do Sul do Brasil
O AirBNB é um maravilhoso site onde as pessoas oferecem quartos ou a casa/apê todo para alugar pras pessoas por preços justos e em todos os lugares do mundo. Descobri esse "achado" pouco antes de viajar a Santa Maria. Consegui uma hospedagem no centro da cidade por apenas R$ 42 reais a diária. A ideia é disponibilizar uma hospedagem "familiar": me senti em casa, de fato! Meu primeiro anfitrião, Rodrigo, me deixou super à vontade pra usar a casa toda.

Assistindo a um filme na sala da casa do Rodrigo (AirBNB)

A cidade me recebeu assim, bem friazinha. Essa era a vista do meu quarto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário