Tenho sentido muitas saudades das viagens que fiz. Não saberia, nunca, explicar a sensação feliz que me dá rever fotos, vídeos e conversar com os que lá conheci. Escrevi alguns textos tentando juntar momentos, conversas, sensações sentidas e vividas nos tantos lugares pelos quais passei. Há acréscimos, eu preciso mencionar. É ficção, portanto. Mas, os textos deste blog são completamente carregados de nostalgia... esperança... e vida! Vida, que é o estado em que quero estar permanentemente!
Boa leitura!!!

quinta-feira

Lyon, 1º de agosto de 2011

Decidimos fazer uma pequena trilha por perto da cidade. Deixamos o carro estacionado aqui próximo a essa kombi (artigo de coleção na França: faz cerca de 30 anos que não se fabricam mais esse carro, sabiam?):


Meu guia (sempre!!!):

Pelo caminho...

Sujeira também, infelizmente:

Um chazinho com meu amor...

... e uma pausa para experimentações sonoras:


E a volta:
Não tem medo, amor, EU TE AMO!

Nenhum comentário:

Postar um comentário