Tenho sentido muitas saudades das viagens que fiz. Não saberia, nunca, explicar a sensação feliz que me dá rever fotos, vídeos e conversar com os que lá conheci. Escrevi alguns textos tentando juntar momentos, conversas, sensações sentidas e vividas nos tantos lugares pelos quais passei. Há acréscimos, eu preciso mencionar. É ficção, portanto. Mas, os textos deste blog são completamente carregados de nostalgia... esperança... e vida! Vida, que é o estado em que quero estar permanentemente!
Boa leitura!!!

quinta-feira

Lyon, 5 de agosto de 2011

Penúltimo dia em Lyon. O clima, naturalmente, foi ficando cada dia mais triste... a despedida é, de fato, o pior momento de toda e qualquer viagem. Fizemos as últimas compras e ficamos mais tempo em casa com familiares e amigos de Pierre. Algumas poucas fotos do dia de hoje:


Chazinho a dois...


"Se a rede é maior do que o meu amor, não tem quem me prove"


Acima, eu, na entrada da casa de Pierre, exibindo o vestido que Martine me deu... huahuahauhau...

Abaixo... meu Pequeno Príncipe:

Pierre fez um presentaço pra mim: construiu uma faca com lâmina importada e madeira super resistente encontrada por ele na mata:

Amanhã?!... Ninguém sabe!

Nenhum comentário:

Postar um comentário