Tenho sentido muitas saudades das viagens que fiz. Não saberia, nunca, explicar a sensação feliz que me dá rever fotos, vídeos e conversar com os que lá conheci. Escrevi alguns textos tentando juntar momentos, conversas, sensações sentidas e vividas nos tantos lugares pelos quais passei. Há acréscimos, eu preciso mencionar. É ficção, portanto. Mas, os textos deste blog são completamente carregados de nostalgia... esperança... e vida! Vida, que é o estado em que quero estar permanentemente!
Boa leitura!!!

quarta-feira

Gramado, 10 de janeiro de 2015

Rinpoche, líder espiritual budista, visitou o Brasil em 1991, conseguiu muitos adeptos brasileiros e escolheu Três Coroas para construir o retiro espiritual budista porque achou o local bonito, alto, parecido com o Tibet.

Centro Budista Chagdud Khadro Ling
O templo acima abriga representações do corpo, fala e mente de Buda (o nome Buda significa "aquele que removeu todas as negatividade da mente e revelou sua natureza pura, que sempre esteve presente")
Oferendas de lamparinas (R$ 2,50)

Paredes pintadas por um artista do Sikkim, abriga textos e estátuas sagrados

Abaixo, espaço com várias representações da Tara vermelha: para os budistas ela é a "mãe de todos os vitoriosos"; o é aspecto feminino de Buda. Ela tem o poder, segundo a crença, de liberar seres dos medos e fobias:
Embaixo desse lindo espaço, as várias imagens de Tara Vermelha


Eu e as várias imagens da Tara Vermelha

Tara Vermelha


Aviso muito sensato: "Não pise nas formigas"

A natureza do local é impressionante
Ao fundo, na imagem abaixo, Zandok Palri é a representação da morada do Guru Rimpoche (1º templo construído de forma tradicional no ocidente):

Zandok Palri
Grande presente de Chumassa e Grazi ter nos trazido a este local
Apreciamos demais a visita
Abaixo, as bandeiras de oração: no pano tem orações que, para o Budismo, são irradiadas ao serem tocadas pelo vento:
Bandeiras de Oração


Imagens do Centro Budista

Imagens do Centro Budista


Visão da entrada do Zandok Palri e, ao fundo, as bandeiras de oração

Abaixo, uma das casas de rodas de orações. Esses tubos são cilindros com rolos de papel com milhões de mantras. Segundo a cultura budista, girar a roda recita os mantras e suas bênçãos são levadas pelo vento para todos os seres:
Casa de Rodas de Orações

Tara Verde

Azulejo com várias imagens de Buda

Estátua do Buda Akshobya

Bandeiras de Oração espalhadas pelo local (se liga na panorâmica)

Abaixo, estão as "Stupa": representação da mente de Buda. As 8 Stupas representam as passagens na vida do Buda Shakyamunis (nascimento, morte, iluminação, etc):


Guru Rinpoches

Fazer oferendas representa generosidade e disciplina


Depois de uma overdose de tranquilidade e conhecimento da cultura Budista, fechamos o dia com um passeio ao Lago Negro:
Lago Negro

Casal lindo no Lago Negro

Visita ao Eco Parque Sperry:

Cascata do Trombão: 35 metros

Presentaço ir pra Gramado

Cachoeira Escondida

Pinturas rupestres contemporâneas

Borboleta linda

Se liga na perfeição

Perigo


Cachoeira da Usina: 45 metros

Cachoeira do Poço

Na trilha para o "Panelão"

Cachoeira do Panelão

Fechando o dia em grande estilo: churrasco gaúcho tchê

Família maravilhosa: gratos por tudo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário